Este Espaço tem por objetivo compartilhar leituras, falar de encontros, educação, eco-feminismo, parto humanizado, cultura de paz, espiritualidade, dança... de movimentos que o Universo faz pelos quais nos encontramos.
Seja bem vindo, a entrada é franca e amiga... mas chegue com o coração aberto, senão, de nada vai adiantar estar aqui!

31 de ago de 2009

Se você tem tempo, não esqueça de salvar a sua mente!

"Estamos confusos sobre onde podem ser encontradas a paz e a felicidade verdadeiras que desejamos para nós e para os outros.
Nossa mente, apegada e distraída com o mundo exterior, perdeu o contato íntimo e a comunicação harmônica com nosso coração, e, conflituada, não reconhece mais a nossa verdadeira essência feliz.
Para alcançarmos felicidade verdadeira, aquela que não pode ser perdida ou roubada, precisamos nos "reencontrar" com a nossa verdadeira essência feliz. Nós precisamos de um Autoencontro.
Autoencontro é só uma palavra para falar sobre a necessidade de "alinhar" nosso coração e mente, pois é deste conflito e desencontro interno que surgem nossas dúvidas, incompreensões e sofrimento". (Enio Burgos)

Olhem bem amados, estas palavras que me chegam as mãos através de uma leitura adorável e simples, de um livrinho de bolso, com um beija-flor na capa, com o seguinte chamado: AUTOENCONTRO - Vida em pleno contentamento, de Enio Burgos (editora Bodigaya).

Que sincronia magnifíca... estou grata ao Universo, à Fonte Que Tudo É, pelos sinais que tenho recebido, pelas pessoas em meu caminho, pelos Encontros (e mesmo os Desencontros) que me trazem ensinamentos.



A poucos dias construí este blog, para contribuir com a Cultura de Paz e com o movimento do Eco-Feminismo, lançando sementes e convites àqueles sonhadores e buscadores, como Eu. Em especial aos Educadores e pais (também educadores), que sentem a necessidade de uma Nova Linguagem.
Compreender o Ser Humano é uma busca que venho fazendo, é algo que me motiva, me move. Inconscientemente fazia isto para saber mais de mim, para me entender, hoje tenho consciência que só meu coração pode falar de mim, dizer-me quem realmente EU SOU. Quanto aos outros, cabe a mim apenas a compreensão.
Seguir o Caminho do Coração é a saída para nossa humanidade, sair da Ilusão e habitar a verdadeira realidade é colocar-se no Centro de vosso Coração e reconectar-se com sua Essência.

"O nosso coração original, como uma bússola, sabe que, em algum momento, perdemos o rumo, pois ele contém a chave desta íntima ligação que todos possuímos com o fluxo maior de todas as coisas, o elo inquebrantável que temos com nossa Grande Mãe, com nosso Pai Cosmos e, por conseguinte, com a nossa felicidade real e duradoura. Separados de nossa essência feliz em nosso coração, separados da nossa Mãe Terra e do nosso Pai Cosmos, somos apenas crianças tristes espalhando todo tipo de dor e sofrimento nesse mundo". (Burgos, E.)

Bem, escutei atenta as palavras do Enio, neste final de semana, que resumiu em poucas palavras o vazio que as pessoas sentem:

"O Coração e a Mente são apaixonados um pelo outro, se amam, não podem andar afastados, eles querem estar juntos. O vazio que as pessoas sentem é a falta que o coração sente da mente".

Nossa, muito bom né?!
Compreendi porque cresce a agressividade, o apego e a indiferença na sociedade... porque vivemos numa escuridão chamada Ignorância, porque nossa mente está em muitos lugares, menos dentro do nosso coração. Porque estamos desconectados da Mente que Sabe e agimos somente com a Mente que Pensa.
Porque os jovens de hoje perguntam: TÁ LIGADO?
Porque eles sabem que estamos desligados/desconectados. Nossa mente tem que estar atenta, estar presente no Aquie e Agora, isto é alinhar corpo, coração e mente. Estar 100% no momento do Agora.
As crianças só querem ser amadas, mas elas precisam sentir a sua presença. Quando você abraça, tem que estar ali com o seu corpo, coração e mente, estar 100%, inteiro. Em qualquer relação se você não está inteiro, uma hora o outro cança de esperar você e vai embora.

Se você tem tempo não esqueça de salvar a sua mente!

Como diz o Enio, este Educador da Alma: "Nenhum homem pode pacificar o mundo inteiro, mas pode pacificar a si mesmo".
Beijo no coração de todos e bons sonhos.

Um comentário:

  1. Muito bom este post. Por vezes também sinto que a minha mente e meus pensamentos não estão conectados ao meu coração, ao meu EU. Será este o grande desafio dos nosso tempos? Um grand abraço com muito carinho

    ResponderExcluir

Gentileza gera Gentileza

Se algum artigo neste blog estiver como "autoria desconhecida" e você souber informar, agradeço e farei a devida correção. Solicito também que ao extrair qualquer informação desta página seja adicionada à devida autoria ou endereço: http://pedagogiadoencontro.blogspot.com

Grata pelo Encontro.